Rio Bonito do Iguaçu: Identificados três mortos; Outras duas pessoas seguem internadas em estado grave



A situação ocorrida em Rio Bonito do Iguaçu na manhã deste sábado, 16, no assentamento Ireno Alves dos Santos, resultou em três mortos e três feridos. Um deles é um policial civil, foi atingido com um tiro na perna, mas encontra-se internado e fora de risco. 


A identidade dos dois primeiros corpos das vítimas de emboscada encontrados no veículo VW Gol Preto são: Joelson Trocki, 21 anos e Rudinei Fonseca, 17 anos. O primeiro é irmão do mandante da morte do líder Enio Pasqualin, ocorrida em novembro passado. Este elemento já encontra-se preso na PEC (Cascavel), segundo o chefe da carceragem do DEPEN de Laranjeiras, Ariel Oro. 


A terceira vítima, mulher baleada na emboscada se chama Roseli Oliveira de Souza. Ela seria cunhada de uma das vítimas fatais da emboscada. Foi atendida na casa hospitalar e seu estado não foi informado.


Na segunda situação que ocorreu horas depois, onde o pai e o irmão de Joelson Trocki (vítima fatal da primeira situação) foram de motocicleta até o local do crime e atiraram contra os policiais que faziam a perícia, em revide resultou no óbito de Joel José Trocki, de 25 anos. Seu pai, João Antônio Trocki, foi ferido e encontra-se em estado grave na casa hospitalar em Laranjeiras do Sul. 


Policiais civis e militares continuam no assentamento fazendo diligências atrás dos autores da emboscada.


Todas as razões para os crimes ocorridos teriam ligação com a morte de Enio Pasqualin, segundo informações.

Postar um comentário

0 Comentários