Ads Area

Propaganda Pio do Jacu

Militância terrorista eleitoral nas redes sociais tem núcleo duro no interior do Paraná


Informa o antenado jornalista político curitibano Fernando Tupan (Blog do Tupan), que chancelado em páginas de candidatos a deputados pelo Partido dos Trabalhadores, a esquerda está praticando uma forma de terrorismo digital contra os adversários, em especial contra bolsonaristas, e o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ou o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) não está atento a essa situação, em Telemaco Borba há um centro que distribui postagens contra Jair Bolsonaro.

Esses grupos de ativismo digital são derivações do MAV (Militancia em Ambiente Virtual), criado em 1999 quando a internet doméstica no Brasil ainda engatinhava, já pensando na candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva (PT), em 2002.

Esse sistema de ativismo digital não é uma criação da direita como alguns meios de comunicação tentam mostrar atualmente e direcionam a artilharia contra Jair Bolsonaro, a esquerda chegou na frente e os adversários aprenderam e aprimoraram.

Hoje, existem vários especialistas da área que trocaram a esquerda pela direita ou a direita pela esquerda, uma rede foi criada e as informações circulam livremente em grupos de Whatsapp ou de Facebook.

Talvez a Tenda Digital, na eleição estadual de 2014 no Paraná, profissionalizou o setor e se tornou o celeiro de grandes nomes da área.  

https://blogdotupan.com.br/2022/08/24/ativismo-ou-terrorismo-digital-do-pt/

COMENTÁRIO DO JACU:

Essa é daquela mesma turma que acusa os mais conservadores de manterem "gabinete do ódio", mas foi eles que começaram tudo e ainda se tem provas. Tem muita coisa que poderá vir a tona a nível nacional durante as eleições. Aguardem, jacuzada.

Postar um comentário

0 Comentários

Top Post Ad

Below Post Ad